A origem dos outros – Toni Morrison

Como uma pessoa se torna racista ou sexista? Já que ninguém nasce racista, e tampouco existe qualquer predisposição fetal ao sexismo, aprende-se a Outremização não por meio do discurso ou da instrução, mas pelo exemplo. (p. 27)

Toni Morrison vai-nos apresentando, nos seis ensaios que compõem este livro, histórias e obras suas e de outros autores para traçar a trajetória do racismo na vida e na literatura. É uma leitura rápida, fácil e bastante acessível, que instiga a busca por vários outros textos, mas que deixa algumas “pulgas atrás da orelha” para refletirmos muito. Por exemplo esta, que não sai de minha cabeça:

(…) não existem estrangeiros. Existem apenas versões de nós mesmos; muitas delas nós não abraçamos, e da maioria desejamos nos proteger. Pois o estrangeiro não é desconhecido, e sim aleatório; não é alienígena, e sim lembrado; e é o caráter aleatório do encontro com nossos eus já conhecidos, ainda que não admitidos, que causa um sinal de alarme. Que nos faz rejeitar a figura e a emoção que ela provoca, principalmente quando essas emoções são profundas. É também o que nos faz querer possuir, governar e administrar o Outro. Romantizá-lo, se pudermos, e assim trazê-lo de volta para dentro de nossos próprios espelhos. Em qualquer dos casos (seja no alarme, seja na falsa reverência), nós lhe negamos a realidade como pessoa, a individualidade específica que assistimos manter para nós mesmos. (p. 64-65)

Morrison acrescenta, já ao final do livro, um ponto de vista que sempre repito sobre a importância da literatura na formação de um ser humano mais empático:

A ficção narrativa proporciona uma selva controlada*, uma oportunidade de ser e de se tornar o Outro. O estrangeiro. Com empatia, clareza e o risco de uma autoinvestigação. (p. 121)

*Amei a metáfora da selva controlada.

Vale a leitura!

Morrison, Toni. A origem dos outros: seis ensaios sobre racismo e literatura. São Paulo: Cia das Letras, 2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s