Seu filho – Netflix

José Coronado, ator espanhol, é doutor Jaime, conceituado cirurgião que parece ter uma vida boa, com uma família feliz no filme Seu filho. Entretanto, logo no início, já dá para perceber que esse pai não conhece muito bem os filhos, quando analisa as fotos premiadas de sua caçula.

O filme, denso, tenso, parado, mas agoniante a ponto de não deixar a gente se levantar, traz algumas questões perturbadoras. A primeira tem a ver com a justiça feita com as próprias mãos. Um pai amargurado, sem respostas de uma investigação lenta e limitada, resolve buscar por si mesmo a justiça. Quando vemos tantos casos sem solução, podemos até considerar isso um ato de amor incondicional. As consequências, porém, podem incorrer em erros graves.

A segunda – e talvez mais perigosa e cruel – diz respeito à total perda de valores éticos e morais na criação dos filhos. Acredito que o diretor Miguel Angel Vivas esteja fazendo uma crítica mordaz a pais contemporâneos, que trabalham demais, pouco tempo têm para seus filhos, e, para compensar sua culpa, suas ausências, falhas e limitações, passam a mão na cabeça deles validando tudo o que fazem, seja certo, seja errado, independentemente das consequências geradas. Sem querer falar sobre o que acontece, para não dar spoilers, só posso dizer que as cenas finais do filme são revoltantes e perturbadoras.

Quantos pais andam passando a mão na cabeça de seus filhos em ações (crimes!) praticadas por eles? “Meu garoto.”, “Não mexam com meu menino!”, “Tadinho, ele não fez por mal.”, “Ele vai pedir desculpa.”, “Não sabia que era um índio, pensei que fosse um mendigo.” (lembram dessa?!).

Isso é muito sério!

Esses homens de bem…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s