Reorganizando as ideias…

Estamos vivendo tempos difíceis… Complicados… Estranhos…

Comecei este blog para mim, independente de ter ou não leitores, simplesmente porque gosto muito de escrever, de pensar alto e de guardar textos, sobre assuntos variados, que me chamam atenção e me fazem refletir sobre o mundo e a vida quando os leio. No entanto, logo depois, no calor da emoção, me animei e comecei a pensar no trabalho que poderia fazer com meus alunos, para que eles não só tivessem interesse em escrever, como também procurassem ler mais, principalmente textos jornalísticos importantes para a produção dos textos dissertativos-argumentativos, escolares e de vestibulares.

Acabei, porém, de abortar essa ideia. Pode parecer estranho para muitos, mas bateu um certo receio…

Na sala de aula discuto temas variados com meus alunos, mas me sinto tranquila quando vejo jovens que pensam bem diferente de mim (e não são poucos, no meu ambiente de trabalho) me elogiarem por levá-los a pensar sobre os diversos assuntos sem defender uma ideia específica nem me fechar em uma posição. Digo-lhes sempre que meu papel é promover o debate e a reflexão, atuar como questionadora para provocar o desconforto e a necessidade de buscarem mais informações, mas que cabe a eles construírem seus pontos de vista, não a mim.

Entretanto, na minha vida pessoal, nos meus perfis em redes sociais, no meu blog, quero poder falar abertamente o que sinto e o que penso sem ter a necessidade de medir as palavras nem modalizá-las com o fim educativo. Pode parecer estranho para muitas pessoas, mas é isso mesmo. Nesses ambientes e em minha vida particular, quero exercer a minha total liberdade de expressão. Não quero correr o risco de ser julgada erradamente por pessoas que hoje estão por aí fazendo a cabeça de massas não pensantes criando rótulos, jogando pessoas em praça pública para apedrejá-las inconsequentemente. Por isso, a partir de hoje, meu blog será simplesmente meu blog, sem que alunos participem mais, sem indicar a eles a leitura de nada aqui.

Deixo claro, porém, que não me responsabilizo por quem aqui vier por livre e espontânea vontade.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s